segunda-feira, 12 de junho de 2017

Brownie de Microondas

Para deixar o dia dos namorados ainda mais apaixonante!



          Ingredientes
  • 3 unidades de ovo
  • 3 colheres (sopa) de margarina derretida
  • 1 xícara (chá) de açúcar
  • 1/2 xícara (chá) de chocolate em pó
  • 1/2 xícara (chá) de farinha de trigo
  • 1 xícara (chá) de chocolate ao leite picado
  • 1/2 xícara (chá) de castanha-do-pará picada

  • Modo de preparo

  • Em uma tigela, misture os ovos e a margarina.
    Acrescente o açúcar, o chocolate em pó e a farinha de trigo peneirada.
    Junte o chocolate picado e as castanhas.
    Coloque em um refratário de 20 cm x 20 cm untado com margarina.
    Leve ao micro-ondas por 5 minutos na potência alta.
    Deixe descansar 5 minutos antes de servir.

    Dica: sirva com sorvete e calda de sua preferencia.

terça-feira, 4 de abril de 2017

PRÊMIO ZIWA 2017!!!!!

Obrigado a todos que votaram no Rappanui Gastronomia!
É esse tipo de reconhecimento que nos diferencia e nos eleva. Acreditamos que um serviço de excelência é nosso dever para todos, seja nossos queridos clientes ou nossos parceiros, que durante o evento tem o mesmo objetivo que o nosso, realizar sonhos.


segunda-feira, 6 de março de 2017

Eating Time: Uma experiência com buffet Rappanui Gastronomia

Por  | 
Texto Luiza Morena

Um bufê que reúne a paixão de Margareth às sacadas de Ricardo para transformar qualquer casamento através da experiência gastronômica. Vem saber mais sobre as novidades do Rappanui Gastronomia para 2017!

“Uma dica para os noivos? Sugerimos sempre um serviço non-stop em que não se criem paradas na festa do tipo “hora do jantar”, pois pode cortar a emoção dos convidados ou de algum momento importante.”
Quem vê os apaixonados Margareth Rocha e Ricardo Pires o tempo todo juntos não imagina que eles demoraram anos para perceber que não poderiam viver um sem o outro. Amigos de infância, foi com um empurrãozinho da gastronomia que eles se reencontraram: “Estudamos na mesma escola, mas tomamos rumos diferentes e nunca mais nos vimos. O Ricardo se tornou dono de uma padaria e eu comandava o Café do Teatro Municipal de Niterói quando retomamos contato e decidimos iniciar uma parceria há mais de dez anos”, conta a chef. A coisa toda funciona assim no Rappanui Gastronomia: ela cuida da cozinha e ele se responsabiliza pelas compras e a administração da empresa – tudo temperado com muito amor.  Dentre os destaques do bufê estão as finger foods – pratos tradicionais servidos em versão petit – sempre acompanhadas por combinações inusitadas em pratos, tigelas e panelinhas que conquistaram o mercado de casamentos. Não é difícil estar em um evento e saber que é Rappanui, acredite. Quer saber as novidades que o casal preparou para 2017? Confira a entrevista!

“Quando os noivos pedem algo diferente oferecemos a nossa Risoteria com diversos sabores finalizados na hora para cada convidado, a Hamburgeria Gourmet que além de moderna agrada com suas opções artesanais e o Eating Time, uma novidade Rappanui que é sinônimo de versatilidade gastronômica.” Margareth
IC – Vocês possuem pratos assinatura como o bobó de camarão e diversas opções de cardápios para o casamento. Como os noivos fazem essa escolha? É possível a criação de um menu personalizado para o casal?
Margareth – Na hora de escolher o cardápio com os noivos apresentamos os nossos pratos com identidade Rappanui, mas propomos também trazer o sabor de suas vidas para dentro da nossa cozinha. Ao criarmos releituras de pratos tradicionais de família ou de receitas especiais para os noivos imprimimos a personalidade deles na festa e compartilhamos isso com os convidados.
Ricardo – Esse fim do formato enlatado das festas e o desejo pelo personalizado sem dúvida alcançou a gastronomia.
Além da parte gastronômica quais outros serviços estão inclusos na contratação do bufê?
Margareth – Além da escolha das louças e dos objetos usados no serviço de acordo com  a proposta de decoração da festa – o que acontece durante as nossas degustações – trabalhamos também um garçom exclusivo para o casal, que chamamos carinhosamente de “babá dos noivos”. Isso é muito importante para que eles aproveitem do início ao final da noite despreocupados com o quanto comeram ou beberam.
E por falar em degustações… Como são organizados os encontros pré-casamento?
Margareth – Em um primeiro contato com o casal, que pode ser via email, telefone ou através das redes sociais, recolhemos os dados e informações pessoais, assim como perguntamos sobre seus gostos e preferências para montarmos uma sugestão de cardápio inicial. A partir dela e do que eles acharem marcamos uma degustação onde apresentamos além dos pratos o nosso serviço e atendimento. Essa degustação deve acontecer o quanto antes para que o cardápio esteja fechado pelo menos um mês antes do casamento. Cerca de duas semanas antes da festa agendamos ainda uma visita técnica ao espaço do evento e caso os noivos queiram ajustamos os últimos detalhes do cardápio para que tudo esteja perfeito.
Essa onda das comidas naturais chegou aos bufês de casamento? Vocês recomendam que os noivos considerem pratos vegetarianos, sem glúten ou sem lactose no cardápio mesmo que eles não sejam adeptos ou possuam restrições alimentares?
Estamos sempre antenados a essas necessidades, por isso temos uma nutricionista que elabora opções especiais e nos orienta na criação de pratos para pessoas com restrições. Da mesma maneira que incentivamos aos noivos que têm alergia a camarão a não o descartem do cardápio é importante que entendam que o evento é para todos os convidados e por ser quase impossível conhecer os gostos de cada um é necessário oferecer opções variadas, mesmo que não sejam do gosto do casal.
E em 2017? Contem uma novidade que vem com tudo na cozinha Rappanui.
As pessoas desenvolveram um gosto muito grande pela culinária e passaram a se verem como chefes curtindo colocar a mão na massa e escolher ingredientes, por isso a tendência que enxergamos para o bufê é ter à disposição dos convidados itens para que eles possam escolher combinações e montar os pratos ao seu gosto. Nesse sentido, criamos o formato Eating Time, em que os pratos são finalizados na hora de acordo com a escolha dos convidados, o que tem feito muito sucesso. Todos ficam surpresos pela versatilidade, praticidade e toque informal em que a cozinha se integra à festa.

Minidicionário de um bufê

Noiva, pode ficar tranquila. Sabemos que com tantas nomenclaturas e opções de bufê as coisas podem acabar tornando-se confusas. Por isso, pedimos ajuda ao casal para explicar resumidamente cada um dos serviços oferecidos.
Bufê empratado! Nesse serviço os convidados permanecem sentados à mesa enquanto o garçom traz o prato já preparado e decorado individualmente, servindo-o pelo lado direito.  A sequência é composta de entrada, pratos quentes e sobremesa e recomendamos um garçom para cada seis convidados.
 É para vocês se… o casal valoriza uma boa experiência gastronômica
 Não é para vocês se… querem uma festa mais dinâmica e informal já que os convidados permanecem sentados em seus lugares do início ao final do jantar.

Menu degustação! Embora bastante informal esse é um serviço frequentemente utilizado em casamentos, pois permite que os convidados fiquem à vontade na pista de dança. O seu menu deve ser bem variado e criativo servido em panelinhas, colheres de louça, copinhos, entre outros, dispostos nas bandejas dos garçons ou em ilhas de degustação, onde o próprio convidado se serve.
É para vocês se… o espaço reservado para a festa não é tão grande já que não é necessário que todos os convidados se sentem. Nesse caso, reserve mesas para os familiares e convidados mais idosos a fim de garantir seu conforto.
 Não é para vocês se… buscam um casamento com ar mais formal com mesas marcadas.
Coquetel à Francesa! O mais formal e elegante dos serviços é ideal para as recepções clássicas e tradicionais, em que os convidados permanecem sentados à mesa e o garçom traz a travessa à esquerda do convidado para que o mesmo se sirva na quantidade desejada, o que reduz desperdícios. O requinte do serviço exige profissionais com aparência, postura e habilidade impecáveis, transmitindo a sensação de boa higiene e manuseio com destreza dos pratos.
Coquetel volante! O serviço volante é aquele no qual são servidos canapés, salgados e finger foods, podendo ou não ser seguido de alguns tipos de mini porções. O seu ar prático e informal deixa os convidados à vontade para circularem pelo salão e comer quanto estiverem com vontade. Neste tipo de serviço não se recomenda montar mesas completas, mas sim lounges ou mesas bistrôs sem o uso de sousplats para que as pessoas não fiquem achando que será servido um jantar. A quantidade de garçom recomendada é um para cada dez convidados.
Finger foods! Tendência que veio para ficar e que mantemos uma assinatura forte em nosso bufê, as finger foods, como o nome sugere, são para se comer com as mãos, ou seja, petiscos e comidinhas fáceis de se manusear e que dispensam talheres, facilitando aos convidados que estão em pé na pista, por exemplo. O segredo está em destacar cada porção com um visual moderno surpreendendo os convidados com seu conceito e sabor.
Ilhas gastronômicas! Complemento para os outros tipos de bufê, as ilhas devem ficar espalhadas pelo salão oferecendo diferentes tipos de comidas e bebidas. Como o seu espaço e decoração tendem a ser mais descoladas são ambientes propícios à interação entre os convidados. Sugerimos um cálculo de uma ilha gastronômica para cada 100 convidados.
Gostou dessa matéria sobre o buffet Rappanui Gastronomia. Assista aqui a entrevista do casal!

quarta-feira, 25 de janeiro de 2017

SABOR DE INFÂNCIA NO CAFÉ DA TARDE

Sempre tem aquelas comidinhas que nos lembram de vários momentos bons de nossa vida. O bolinho de chuva, a macarronada de domingo e hoje para trazer aquele ar nostálgico, vamos postar um clássico no estilo bolo da vovó no café da tarde acompanhado de um café delicioso!


BOLO DE FUBÁ















Ingredientes: 

4 Ovos
3 1/2  Colher de sopa de margarina. (75 gr)
2 1/2  Uma medida de copo americano de açucar. (350 gr)
2 Copos americanos de farinha de trigo. (280 gr)
1 1/2 Copo americano de Fubá.(210 gr)
1 xícara de côco ralado.(80gr)
1 Copo americano de leite. (200 ml)
1 Colher de sopa de fermento em pó.(15 gr)
Erva doce a gosto.

Modo de preparo:

Bata os ovos, a manteiga e o açucar. Depois que ficar homogênea adicione todos os outros ingredientes. Por ultimo adicione o feremento e a erva doce caso queira.
Unte uma forma redonda de furo e aqueça o forno em 180 C°. Leve ao forno por 25 a 30 minutos.
Depois de esfriar, desenforme e sirva com café ou suco de frutas.
Para harmonizar com o bolo também fica muito gostoso uma calda de goiabada ou laranja.

Boas lembranças e bom apetite!

segunda-feira, 23 de janeiro de 2017

Chá de panela delicioso com receitas fáceis dos melhores buffets de casamentos!

O grande dia está chegando! Mas antes da tão esperada caminhada até o altar, existem outras deliciosas oportunidades para reunir as amigas em torno deste momento especial; e uma delas é o seu chá de panela. Além de ajudar a abastecer sua casa com lindos utensílios, este evento é sinônimo de diversão, boas risadas e muitas histórias. Mas que tal preparar pratos fáceis e saborosos, e deixar o seu chá de panela marcado também pelo sabor? Pedimos a três conceituados buffets que nos ensinassem receitinhas fáceis para um chá de panela deliciosoTome note e aproveite!
A primeira receita foi enviada pelo Rappanui Gastronomia de Niterói, Rio de Janeiro, e sugere um toque de sofisticação em seu chá de panela.

Burrata com tapenade de azeitonas

  • Burrata (queijo cremoso italiano)
  • 200g de tomate seco picado
  • 2 colheres de sopa cheias de tapenade de azeitonas pretas (receita abaixo)
  • Manjericão fresco
  • 1 Maço de rúcula
  • Tomates cereja
  • Azeite a gosto
  • Torradas temperadas com manteiga e tomilho
Tapenade de azeitonas pretas
  • 200g de azeitonas pretas sem caroço
  • 2 colheres de sopa de alcaparras escorridas
  • 2 dentes de alho descascados
  • Suco e raspas (poucas raspas, pois são fortes) de 1 limão siciliano
  • 10 colheres de sopa de azeite de oliva
Triture todos os ingredientes no processador e reserve na geladeira até a hora do uso. 
Pesto de Manjericão
  • 1 maço de manjericão fresco
  • 50g de amêndoas ou nozes
  • 50g de parmesão
  • 2 colheres (sopa) de um bom azeite
  • 1 concha de água quente
  • Sal e pimenta (a gosto)
  • Suco de meio limão (ou 1 inteiro, de acordo com sua preferência)
  • 1 dente de alho amassado
Triture todos os ingredientes no processador e reserve na geladeira até a hora do uso.
Montagem
  • Espalhe a tapenade no prato, fazendo um buraco no meio para encaixar a burrata.
  • Coloque a burrata no centro da tapenade.
  • Coloque 20 g de rúcula (sem os caules) – 1 punhado – atrás da burrata.
  • Despeje 2 colheres de sopa cheias do pesto de manjericão por cima da burrata, deixando escorrer.
  • Repouse 1 colher de sopa de tomate seco picado misturado com um pouco de azeite.
  • Corte uns 6/8 tomates cerejas ao meio (só cortar na hora, senão ficam feios!) e espalhe no prato (como na foto abaixo).
  • Decore com algumas folhas de manjericão (médias e frescas).
  • Circule a burrata com o pesto fechando a decoração do prato.
  • Servir com certa de torradas
buffet casamento RJ Rappanui GastronomiaSaiba mais sobre“Rappanui Gastronomia”
Rappanui Gastronomia | Foto: Divulgação

Confira a matéria completa no site do Zankyou e curta o Rappanui Gastronomia!!!
http://www.zankyou.com.br/p/cha-de-panela-delicioso-com-receitas-faceis-dos-melhores-buffets-de-casamentos

quinta-feira, 29 de dezembro de 2016

XÔ RESSACA!! DICAS E SUCOS PARA SALVAR SEU DIA.


Com o consumo excessivo de álcool, alimentos gordurosos, condimentados ou apenas por comermos maior quantidade do que estamos habituados, “agredimos” órgãos importantes para digestão e absorção de nutrientes como fígado, pâncreas, vesícula biliar, estômago e intestino, podendo apresentar dor de cabeça, náuseas, vômitos, má digestão, azia e diarreia. Algumas dicas para combater a ressaca;

- Aumente a hidratação: beba pelo menos 3 litros de água para reidratar o corpo e acelerar a eliminação de toxinas. 

- Utilize água de coco e bebidas esportivas\ isotônicos repositores de sódio e potássio, perdidos em consequência de vômitos e diarreia

- Não fique sem comer. Dê preferência por alimentos naturais como frutas, verduras e legumes. Quanto mais frescos e variados, maior a quantidade de vitaminas e minerais.

- Utilize chás digestivos como Boldo, hortelã, erva doce e erva cidreira

- Acrescente gengibre, excelente digestivo e anti-inflamatório. 

- Se houver diarreia e vômito retire produtos lácteos (leite, queijos, iogurte), folhosos, alimentos crus e integrais e frutas laxativas (mamão, ameixa seca, laranja, tangerina) 

- Evite a ingestão de alimentos gordurosos, carne vermelha, alimentos cremosos\ fritos\ gratinados, café, pimenta, curry, cominho, chocolate, refrigerante, bebida alcóolica, chá preto, mate

***Álcool eleva apetite no dia seguinte e pode render 1kg a mais na balança***

Fonte: Monica Dantas
Cura ressaca 1:


1 beterraba média
100ml suco de uva integral
100ml de água de coco
4 lascas de Gengibre
Bata no liquidificador e beba bem gelado!
























Fonte: Internet
Cura ressaca 2:

2 rodelas de abacaxi
200ml de água de coco
1 maçã pequena 
1 colher sopa de hortelã
4 lascas de Gengibre

Bata no liquidificador e beba bem gelado!

Fonte: Internet
Cura ressaca 3: 
10 morangos médios
1 colher de sopa de mertilo ou framboesa
10 uvas roxas
100ml de água de coco
100ml de água
1 colher sopa de hortelã.

Bata no liquidificador e beba bem gelado!












Aproveite tudo, mas sem exageros!!

Boas festas!!

Fonte : Nutricionista Alana Rocha - Rappanui Gastronomia